Em tempos de crise

11 02 2009

Pois é, perguntei ainda para minha mãe porque é que quando os americanos deixam de pagar a hipoteca, nós é que sofremos com isso. Ela tentou me explicar, as revistas tentam explicar, os economistas tentam explicar, mas eu continuo sem entender o real motivo.

Não adianta chegar com números que eu não vou interpretar nada em cima disso, só sei dizer que muita gente anda perdendo o emprego sem saber exatamente o motivo, e agora o grande mau das criancinhas não é o bicho papão, mas sim, a crise.

Quando houve o crack da bolsa em 1929 um monte de gente faliu pelo mundo, e logo foi feito um plano para reestruturar a economia, e em alguns anos os EUA voltaram com a força de liderança mundial, então eu me pergunto, será que isso pode ter sido um golpe? Para que nossa economia sofra uma mudança novamente e todos nós nos tornemos mais dependentes ainda do grande Tio Sam? (parece pensamento de o Pink e o Cérebro)

Que seja, devaneios a parte, o que podemos fazer para nos livrarmos desse fantasma?(ou problemão, visto que fantasma não existe)
Primeiro, não se assustar tanto com ela, e nem dizer que tudo que acontece é por culpa dela, demissões em massa acontecem em tempos de crise mundial, ou em tempos de crise da própria empresa – ou até mesmo em renovações internas.

Segundo, use seu dinheiro com parcimônia, economize, veja as vantagens de uma liquidação, espere o momento certo de vender e comprar bens.

Terceiro, se você já leu até aqui é porque continua se preocupando! hahaha

Hoje eu achei um site bem bacana, que pode te ajudar a poupar nas contas de casa, na verdade é um serviço do google, o Google Power Meter, ele auxilia você a medir a energia que está gastando enquanto usa o computador: http://espiritoslivres.net/google-power-meter-e-novidade-para-economia-energia/

No post acima o blogueiro te explica como funciona o serviço, e depois é só correr e clicar para experimentar.

Em tempos de crise, ou não, temos que nos virar, e ainda usufruindo desse serviço podemos poupar um dinheirinho e enviar para todas aquelas famílias que se endividaram com a hipoteca. (ok, foi só uma idéia)

Aliás, só para encerrar, alguém já ouviu falar que os americanos compram as coisas e as renovam de seis em seis meses? Tipo, uma Tv de plasma, um PS… depois somos nós que sofremos com a crise, e dá-lhe Obama para desafogar a situação!