Reformulações

16 07 2009

Hoje eu reformulei a minha página de “Sobre” aqui no blog, achei que ela merecia uma cara nova, com mais informações sobre o rumo de “O Basculante” e sobre quem sou eu, para onde vou e como fico. =)

Conversando com amigos, andei notando que uma grande maioria das pessoas está insatisfeita com o rumo profissional que tem levado, até mesmo eu ando surtando às vezes. Mas, o mercado de trabalho está diferente, fato.

Não temos mais as velhas profissões de antes, temos carreiras novas e em desenvolvimento. Não é mais preciso ser médico, advogado ou engenheiro para ser alguém de respeito. O problema é no meio dessa desenvoltura achar um caminho na qual você possa crescer, e isso é uma tarefa que não é fácil e que muitas vezes demora para acontecer.

O problema da questão é saber se aquilo que você gosta dá dinheiro… WRONG! quando se acha aquilo que realmente se quer fazer é o desempenho e o trabalho que vão garantir o sucesso, sei que meu exemplo é um pouco medíocre, mas de qualquer forma é só um exemplo mesmo. Suponhamos que você sempre tenha gostado de servir, de arrumar as coisas, de incrementar o espaço, daí sem estudos você acaba virando garçom. O que te impede de após isso juntar uma grana, fazer um técnico ou um curso no SEBRAE e abrir uma firma que aluga garçons? Ou abrir uma escola que ajude na formação de garçons, copeiros, etc?

Acho que o que falta nas pessoas é foco e empreendedorismo, é parar de colocar na frente suas limitações e tentar ver como se pode crescer com aquilo que tem. No começo, tudo é difícil, as pessoas vão mesmo pensar em desistir, mas quem quer vencer mesmo consegue, podem verificar várias biografias de pessoas que vieram do nada e hoje são realizadas.

Trabalho não é algo ruim, alguma hora deve-se dar duro para conseguir ir além, é humano se cansar e querer desistir, mas que graça a vida teria se fosse tudo tão fácil?

Anúncios